unilever
Nós usamos cookies - os cookies nos informam quais partes dos nossos sites você visitou, nos ajudam a medir a eficácia dos anúncios e pesquisas na web, bem como nos fornecem informações sobre o comportamento do usuário, para que possamos melhorar nossas comunicações e produtos. Saiba mais sobre isso no Aviso de Cookies

Novas medidas COVID-19

Informações sobre as medidas lançadas pelo Governo e pelas entidades públicas para preservar o emprego, a renda e apoiar as empresas.

BNDES lança chamada pública para fundos de crédito para microempresas

Na linha de medidas emergenciais para fortalecimento da economia nesse momento de pandemia, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) lançou uma chamada pública para seleção de dez fundos de crédito para micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) e empreendedores individuais. Esses fundos serão selecionados até o dia 30 de junho próximo. O BNDES pretende aportar até R$4 bilhões nesses fundos de crédito para as MPMEs, por meio de sua subsidiária de participações acionárias, a BNDESPAR.

O objetivo é proporcionar financiamento a empresas com pouco ou nenhum acesso a crédito bancário, além de aumentar a oferta de canais de financiamento e incentivar a concorrência entre agentes. O BNDES estima alcançar até 100 mil empresas com esta iniciativa.

Canais não tradicionais

A ideia do banco ao lançar esses fundos de crédito é ampliar o acesso ao crédito para os pequenos empresários e empreendedores. “A gente vai utilizar canais hoje não tradicionais no BNDES, estamos falando de ‘fintechs’ (empresas de tecnologia), de grandes operadores de “adquirência”, aqueles que colocam as maquininhas nos pontos de venda. Então, a gente amplia o acesso ao crédito, amplia a possibilidade de acessibilidade desse crédito e adiciona a todos os outros mecanismos bancários que nós temos esse crédito na ponta”. A importância desses novos fundos é fazer chegar a liquidez àqueles que mais precisam. A iniciativa vem ao encontro da preocupação do BNDES com o social, salientou o diretor.

O banco vai escolher até dez parceiros para a distribuição desses recursos. O diretor disse que a ideia é alimentar vários ecossistemas que fazem parte da atividade econômica que acontece na ponta, entre os quais bares e restaurantes, pequenos lojistas, jornaleiros. “Aqueles negócios que, naturalmente, têm uma complexidade nesse momento”.

Eventuais dúvidas poderão ser enviadas para o e-mail: chamadampme@bndes.gov.br até o próximo dia 27. Os esclarecimentos serão prestados durante evento que será realizado em formato de conferência online, cuja data será divulgada posteriormente.

Veja aqui como utilizar a linha de crédito do Sebrae e da Caixa para pequenas empresas: https://sualojaaberta.com/como-utilizar-a-nova-linha-de-credito-do-sebrae-e-caixa-para-pequenas-empresas/

Fonte: Agência Brasil. Publicado em 07/05/2020, às 20h56, por Alana Gandra.

https://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2020-05/bndes-lanca-chamada-publica-para-fundos-de-credito-para-microempresas


Veja também