unilever
Nós usamos cookies - os cookies nos informam quais partes dos nossos sites você visitou, nos ajudam a medir a eficácia dos anúncios e pesquisas na web, bem como nos fornecem informações sobre o comportamento do usuário, para que possamos melhorar nossas comunicações e produtos. Saiba mais sobre isso no Aviso de Cookies

Novas medidas COVID-19

Informações sobre as medidas lançadas pelo Governo e pelas entidades públicas para preservar o emprego, a renda e apoiar as empresas.

Visa vai habilitar digitalmente quatro milhões de pequenas empresas

A Visa anunciou o compromisso de ajudar 4 milhões de micro e pequenas empresas da região da América Latina e Caribe a se recuperar dos efeitos da pandemia de COVID-19. A iniciativa é parte de um objetivo mais amplo, de apoiar 50 milhões de pequenas empresas em todo o mundo, por meio de programas e soluções criados localmente para aumentar a eficiência e as vendas.

“As pequenas empresas estão na linha de frente da economia global e merecem um apoio excepcional neste momento”, disse Al Kelly, CEO e presidente do conselho de administração da Visa. “Estamos mobilizando toda a nossa rede para ajudar essas empresas em todo o mundo a sobreviverem e a prosperarem junto com as comunidades onde atuam”.

Inicialmente, os esforços da companhia vão se concentrar em quatro áreas estratégicas:

Empoderamento e entrada no digital

A Visa criou centros de recursos online localizados agora em mais de 20 países, onde disponibiliza ferramentas, ofertas de parceiros e informações de como estabelecer, operar e expandir uma pequena empresa essencialmente digital. Na América Latina, essas plataformas estão ativas na Argentina e no Brasil, e devem ser lançadas em mais 17 mercados nas próximas semanas. A plataforma da Argentina, por exemplo, tem uma área especial que destaca grandes parceiros da Visa prontos para habilitar uma MPE a vender online por meio de botões e links de pagamento, “marketplaces” e aplicativos de entrega. Além disso, a Visa desenvolveu um formulário online com o qual as PMEs podem enviar suas ofertas e destacá-las no site de benefícios e ofertas da Visa direcionados ao consumidor. Todas as novas plataformas online da região terão características semelhantes; assim, as pequenas empresas terão mais facilidade para contatar os parceiros da Visa que oferecem soluções digitais que as ajudarão a expandir seu negócio.

Promoção de pagamentos digitais

Houve mudanças importantes no comportamento do consumidor em todo o mundo, como a necessidade geral de uma experiência sem contato no ponto de venda, uma vez que 90% dos compradores hesitam em ir às compras pessoalmente no comércio por conta do coronavírus. A tecnologia de pagamento por aproximação é fácil de adotar (o processo é rápido e flexível) e sua implementação é fundamental para habilitar um comércio mais rápido e seguro. A Visa tem trabalhado com vários parceiros para aumentar o número de locais onde os consumidores podem pagar por aproximação usando seus cartões e celulares.

Apoio às lojas de bairro

A Visa do Brasil reformulou sua plataforma de ofertas e promoções, Vai de Visa, para lançar uma iniciativa de apoio ao movimento #compredopequeno, mais necessário do que nunca durante a pandemia. A nova funcionalidade da plataforma Vai de Visa funciona como uma central digital onde os pequenos comerciantes aprendem a vender online e os consumidores aprendem a dar preferência a serviços e produtos mais próximos de suas casas. Os empreendedores não precisam ter um terminal de pagamento nem dependem de uma transação online. Para apoiar o movimento #compredopequeno, as soluções publicadas na Vai de Visa ajudam o pequeno empresário a entrar no mundo online. Além disso, as empresas de prestação de serviços que precisaram fechar seus pontos físicos podem oferecer “cupons” na plataforma.

Posicionamento e desenvolvimento de políticas

Além das iniciativas desenvolvidas pela Visa, a empresa anunciou a criação do Instituto Visa de Empoderamento Econômico. O novo instituto terá a participação de especialistas da Visa e parceiros de organizações líderes dedicadas a uma variedade de temas e vai tratar de questões econômicas e sociais. Os principais projetos dos próximos seis meses serão voltados a temas como resiliência e recuperação pós-crise, mobilidade urbana, oportunidades para reduzir a desigualdade e perspectivas sobre a economia compartilhada.

O anúncio está alinhado com o compromisso global comunicado em abril pela Visa Foundation e que vai destinar US$ 210 milhões a iniciativas de assistência contra a COVID-19 ao longo dos próximos cinco anos para solucionar as necessidades mais de longo prazo das comunidades de micro e pequenas empresas.

Fonte: Impresa Mercado&Consumo. Publicada em 25/06/20.

www.mercadoeconsumo.com.br/2020/06/25/visa-habilitara-digitalmente-quatro-milhoes-de-pequenas-empresas/


Veja também